Prémio Liberdade de Expressão 2014 para Samuel Pimenta

 

A Associação de Escritores de Angra dos Reis (Brasil) atribuiu o Prémio Liberdade de Expressão 2014 ao escritor Samuel Pimenta, antigo aluno da FCSH/NOVA, por considerar que o seu trabalho literário (poesia, contos e crónicas) contribui para a criação e difusão da expressão cultural no Brasil.

A entrega do prémio será dia 4 de Outubro, no Museu do Oriente, em Lisboa, a partir das 18h, integrada na Gala do Prémio Excelência Literarte – CEMD 2014, organizada pela Literarte – Associação Internacional de Escritores e Artistas e pelo Círculo de Escritores Moçambicanos na Diáspora.

Samuel Pimenta é originário de Alcanhões, Santarém, e tem-se destacado em Portugal pelo seu ativismo cultural e pela valorização da lusofonia, através da organização de tertúlias literárias um pouco por todo o país. Em 2013, publicou o livro “O relógio”, um dos vencedores do Prémio Jovens Criadores 2012, que critica e denuncia os vícios da atual conjuntura social e económica e, em Junho de 2014, publicou o livro “Geo Metria”. É cronista do site Rede Regional há 2 anos, onde escreve mensalmente, e tem visto alguns dos seus contos, poemas e crónicas publicados em antologias, colectâneas e revistas em Portugal, Angola, Brasil e Moçambique. O seu conto mais recente, “O poeta”, pode ler-se na coletânea “Abril depois de Abril”, da editora Livros de Ontem.

 

Publicado em Geral

Regina Salvador publica coluna de opinião no “Público”

O referendo sobre a independência da Escócia é o tema escolhido por Regina Salvador, docente do Departamento de Geografia e Planeamento Regional, para uma coluna de opinião do “Público”

Leia a coluna de opinião

 

Publicado em Geral

Mensagem de boas-vindas do Diretor da FCSH/NOVA

“Caros Estudantes,

Quero, através desta mensagem, desejar a todos um excelente ano letivo 2014-2015.

Saúdo de forma especial todos os alunos que começam esta semana a sua caminhada no Ensino Superior e os que escolheram os nossos Mestrados, Doutoramentos e Pós-graduações para aprofundarem os seus estudos. A todos dou os parabéns por terem escolhido a FCSH/NOVA para estudarem e darem os primeiros passos na investigação.

Mais uma vez, a FCSH/NOVA foi líder nacional e regional em vários cursos no Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior, traduzindo o empenho que todos os que cá trabalham colocam no sucesso dos alunos.

Convido todos os alunos a tirarem o máximo partido das características desta Faculdade: mobilidade internacional, articulação entre ensino e investigação, oferta interdisciplinar, sistema de major e minor, empreendedorismo e inovação, várias dezenas de eventos científicos e culturais. Espero que, no final dos seus cursos, todos os alunos possam ter beneficiado de todas as iniciativas que engrandecem o curriculum dos que estudam nesta Faculdade.

Espero que este ano seja mais um em que, apesar das restrições orçamentais e do desinvestimento no Ensino Superior, todos os que estudam na FCSH/NOVA possam, em cada dia, sair enriquecidos desta instituição”.

João Costa, Diretor da FCSH/NOVA

Publicado em Geral

Candidaturas abertas para o NOVA Debate

O NOVA Debate é uma associação composta por membros de todas as faculdades da NOVA que se juntam para discutir assuntos da atualidade, melhorar as capacidades argumentativas e divertir-se na partilha de conhecimentos!

Organizam sessões de debate regulares onde pretendem juntar diferentes contributos de excelência da Universidade NOVA de Lisboa para estabelecer uma ponte entre a Academia e a Sociedade, discutindo problemas relevantes e questões de fundo.

No início dos semestres iniciam sempre uma fase de recrutamento para entrada de novos membros nesta comunidade. Por isso, o NOVA Debate convida a assistir ao debate que irá existir na próxima quinta-feira, dia 18, pelas 16h, na sala 118, na Nova SBE e a tirar todas as dúvidas sobre como e porquê participar.

Mais informações em: nova.debate@unl.pt ou www.facebook.com/novadebate.unl.

Inscrições: https://docs.google.com/forms/d/1M7RmNslyjW_HKGBFBk90ZBMvKWbdGXAMuiAQTyyIEcQ/viewform?usp=send_form

Publicado em Geral, Iniciativas dos alunos, Universidade Nova de Lisboa

Queres ser embaixador da faculdade?

A FCSH/NOVA convida os atuais e antigos estudantes a envolverem-se na divulgação da sua oferta letiva e no apoio aos novos alunos da Faculdade. Inscreve-te já!

Queres ser embaixador da faculdade?

A FCSH/NOVA lança, pela primeira vez, um programa que integra atuais e antigos alunos no apoio aos novos alunos e aos futuros candidatos ao Ensino Superior. Intitulada NOVA Embaixadores, esta iniciativa será dirigida a todas as licenciaturas da Faculdade e as inscrições são online até ao dia 17 de outubro.

Cada licenciatura será representada por dois a cinco alunos ou antigos alunos, selecionados através de um processo de recrutamento online que pretende apurar os melhores para ajudar os novos alunos e futuros candidatos.

Os Embaixadores escolhidos apoiarão no esclarecimento de dúvidas online através dos canais ‘Novos Alunos FCSH’, na campanha desenvolvida ao longo do ano letivo com as escolas secundárias e ainda na organização do próximo NOVA Day&Night. A participação neste programa poderá ser integrada como atividade extracurricular no suplemento ao diploma.

Participa!

 

A carregar…

 

Publicado em FCSH, Geral, Iniciativas dos alunos, Universidade Nova de Lisboa

Matrículas e Inscrições 2014/2015

Estudantes colocados através da 2ª fase do Concurso Nacional de Acesso e de Ingresso no Ensino Superior.

Matrículas e Inscrições 2014/2015

 

1. O período de matrículas e inscrições decorre de 25 a 29 de setembroentre as 9H30 e as 16h00 (horário de quinta-feira – das 9h30 às 19h), na Divisão Académica, no piso 1 da Torre B.

2. Para os cursos de Línguas, Literaturas e CulturasTradução, os alunos deverão, obrigatoriamente, dirigir-se ao departamento de Línguas (Bloco B1, piso 0) para aconselhamento do respectivo horário, antes de se dirigirem à Divisão Académica para realizarem a sua inscrição.

3. Documentos que deverá apresentar:

a) 2 Fotocópias do documento de identificação que indicou no seu processo de candidatura (B.I., Passaporte ou Cartão de Cidadão);

b) 2 Fotocópias do Cartão de Contribuinte;

c) 1 Fotografia tipo passe;

d) 2 Fotocópias de um comprovativo de morada (recibo de água, luz, internet…)

e) alunos com nacionalidade estrangeira:

    • Se for nacional de um Estado membro da União Europeia, deve comprovar a nacionalidade através de documento de identificação emitido por esse Estado;
    • Não seja nacional de um Estado membro da União Europeia e resida legalmente em Portugal há mais de dois anos, de forma ininterrupta, em 31 de agosto de 2014, deve comprovar o tempo de residência legal em Portugal através de certidão ou documento de identificação emitido pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras;
    • Não seja nacional de um Estado membro da União Europeia e resida legalmente com o pai ou mãe, que reside em Portugal há mais de dois anos, de forma ininterrupta, em 31 de agosto de 2014, deve comprovar:
    • O tempo de residência legal em Portugal do pai/mãe através de certidão ou documento de identificação emitido pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras;
    • A residência legal do candidato com o pai/mãe, nomeadamente através do atestado de residência.

 

4. Propinas e valores a pagar (pagamento preferencial por multibanco):

  • 1ª Prestação da Propina: 533,93 € (a pagar no ato da inscrição);
  • 2ª Prestação da Propina: 533,92 € (a pagar até 31 de março);

Seguro escolar e custos administrativos: 37 € (a pagar no ato da inscrição).

Os candidatos a bolsa de estudo (Serviços de Acção Social) só pagam a propina depois de publicados os resultados da candidatura. O seguro escolar e os custos administrativos deverão ser pagos no ato da inscrição.

Os antigos combatentes que hajam participado em operações militares, nas quais tenham obtido condecorações e louvores, comprovados por documentos passados pela respetiva unidade militar nos termos do Decreto-Lei nº 358/70, de 29 de julho, têm direito a apoio específico, desde que o parecer do respetivo Ministério seja favorável ao apoio solicitado nos termos do disposto no artigo 35º. da Lei nº. 37/03, de 22 de agosto. Este apoio é extensivo, por força do mesmo Decreto, aos filhos dos combatentes anteriormente citados.

Deverão entregar até dia 15 de novembro 2014:

→Declaração de I.R.S. (última);

→Assento de nascimento do candidato;

→Declaração passada pela unidade, estabelecimento ou órgão do Exército/Marinha/Força Aérea onde, à data da comprovação, estejam depositados os documentos de matrícula do combatente ou ex-combatente que ateste a qualidade do mesmo;

→Certidões de Domicílio Fiscal passadas pela Direcção-Geral de Finanças/Repartição de Finanças da área de residência, uma em nome do estudante e outra em nome de seu pai, (ou mãe em caso de óbito do pai).

Não serão aceites declarações de residência passadas pelas Juntas de Freguesia ou qualquer outro organismo que não seja a Direcção-Geral das Finanças.

 

Publicado em Ensino Superior, FCSH, Geral, Universidade Nova de Lisboa

Curso de Verão “1989 – O ano em que acabou a Guerra Fria?”

19 e 20 de setembro – O objetivo do XXIII Curso de Verão do IHC é repensar o fim da guerra fria, contextualizando-o na sua dimensão histórica e internacional. A entrada é livre!

Curso de Verão “1989 – O ano em que acabou a Guerra Fria?”

O ano de 1989 é, por norma, recordado pelas mudanças profundas – da queda do muro de Berlim às revoluções do leste europeu, sendo para muitos o ponto em que termina (ou começa a terminar) a Guerra Fria.
Volvido um quarto de século, as tensões entre o ocidente e a Rússia suscitam comparações com o passado; a crise financeira e suas sequelas instigam críticas generalizadas ao modelo liberal apresentado como triunfante; o conflito coreano não dá mostras de esgotamento; a retórica anti-imperialista latino-americana prolonga-se não apenas através da sobrevivência do regime cubano mas renovando-se em movimentos sociais e políticos; a história recente de África e do Médio Oriente desafia cronologias eurocêntricas que, persistentemente, apontam 1989 como o capítulo final de uma era.

O objetivo do XXIII Curso de Verão do IHC é repensar o fim da guerra fria, contextualizando-o na sua dimensão histórica e internacional, revisitando os discursos de e sobre esse período, discutindo os contornos e os limites do processo de transformação ocorrido, questionando as suas causas, efeitos e significado à luz destes últimos 25 anos. Quão importante foi afinal 1989 enquanto ponto de viragem histórica? Pôs realmente fim à guerra fria? Partindo dessas questões, as aulas públicas deste o curso visam não apenas informar, mas permitir um entendimento crítico da história mundial recente e uma reflexão sobre matérias da atualidade internacional.

O evento, organizado pelo Instituto de História Contemporânea (IHC), unidade de investigação da FCSH/NOVA, terá lugar nos dias 19 e 20 de setembro, a partir das 9h15, no Auditório 1 da Torre B.

Quem assistir a todo curso tem direito a um certificado de presença e a participar no concurso de melhor artigo, a publicar num número temático de uma revista com “peer-review“.

A entrada é livre!

Informações adicionais

 

Publicado em Eventos Cientifícos, FCSH, Universidade Nova de Lisboa

Curso de Verão “Os Instrumentos da Política Externa Portuguesa”

Inscrições até 19 de setembro – Instituto Português de Relações Internacionais da Universidade NOVA de Lisboa (IPRI) organiza um curso sobre a diplomacia portuguesa.

Curso de Verão “Os Instrumentos da Política Externa Portuguesa”

“Os instrumentos da política externa portuguesa: estruturas, representação e desafios de futuro” é o tema de um Curso de Verão promovido pelo Instituto Português de Relações Internacionais da Universidade NOVA de Lisboa (IPRI), unidade de investigação da FCSH/NOVA. No evento, que terá lugar em Óbidos de 25 a 27 de setembro, participam Ana Martinho (secretária-geral do Ministério dos Negócios Estrangeiros), Ana Gomes (diplomata e deputada ao Parlamento Europeu), Manuela Franco (Presidente do Instituto Diplomático), Teresa Patrício Gouveia (antiga Ministra dos Negócios Estrangeiros), José Matos Correia (deputado e docente Universitário), Francisco Seixas da Costa (diplomata e antigo Secretário de Estado dos Assuntos Europeus) e Teresa Moura (economista e antiga Secretária de Estado dos Assuntos Europeus), entre outros. A coordenação científica é de Nuno Severiano Teixeira, docente do Departamento de Estudos Políticos da FCSH/NOVA e Vice-Reitor da NOVA.

O curso é composto por seminários que incluem a apresentação de papers com trabalhos originais comentados por especialistas da área. Terá também sessões de debate com os diversos intervenientes.

Ao abrigo dos protocolos com a Universidade Lusíada de Lisboa e a FCSH/NOVA, os estudantes dos 1º e 2º ciclo de Ciência Política e em Relações Internacionais receberão 3 ECTS pela frequência do curso e pela realização de um relatório para avaliação. Os estudantes de Relações Internacionais da Universidade de Coimbra terão ECTS acreditados no suplemento ao diploma pela frequência deste Curso de Verão.

Programa e informações adicionais

Publicado em Eventos Cientifícos, FCSH, Oferta Lectiva, Universidade Nova de Lisboa

Francisco Seixas da Costa e Nuno Severiano Teixeira debatem “Portugal no Mundo”

23 de Setembro, Auditório 1, às 18h – Conferência no âmbito do ciclo “Revolução e Democracia”.

Francisco Seixas da Costa e Nuno Severiano Teixeira debatem “Portugal no Mundo”

Francisco Seixas da Costa, ex-Embaixador e atual membro do Conselho de Faculdade da FCSH/NOVA, e Nuno Severiano Teixeira, Vice-reitor da NOVA e ex-Ministro, são os oradores da 8.ª conferência dedicada aos 40 anos da Revolução de Abril. Subordinado ao tema “Portugal no Mundo”, o evento discute a evolução da política externa portuguesa em 40 anos de Democracia.

A conferência, que terá lugar a 23 de Setembro às 18h no Auditório 1 da FCSH/NOVA, será realizada em homenagem a José Medeiros Ferreira, o orador convidado para esta sessão, infelizmente falecido em Março.

Entrada livre. Participe!

Formulário de inscrição

 

Democracia e política externa

O processo de transição para a democracia iniciado a 25 de Abril de 1974, sob o lema “democratização, descolonização, desenvolvimento”, resultou numa alteração significativa do posicionamento internacional de Portugal e numa reorientação da política externa portuguesa. Desde logo porque rompeu com um modelo de inserção internacional que perdurava há cinco séculos, assente numa orientação estratégica fundamental: o predomínio da opção atlântica, na sua vertente marítima e imperial, em detrimento de uma opção continental, em resultado da histórica percepção da ‘ameaça espanhola’ e da reticência e pragmatismo face ao processo de construção europeia.

Assim, no período de transição e consolidação do regime democrático, Portugal passou a afirmar-se como um país ocidental, simultaneamente europeu e atlântico, que encontrava no processo de integração europeia e na descolonização os seus principais desafios em matéria de política externa.

Informações adicionais

Programação mensal

ImagemRevoluoeDemocraciaparasiteSICnotcias.png

Publicado em 40 Anos Democracia, Eventos Cientifícos, FCSH, Universidade Nova de Lisboa

36.º Aniversário da FCSH/NOVA

8 de outubro às 15h30 – Sessão comemorativa conta com a presença de Anabela Mota Ribeiro, escritora, jornalista e Antiga Aluna da Faculdade.

A sessão comemorativa do 36.º Aniversário da FCSH/NOVA terá lugar no próximo dia 8 de outubro, às 15h30 no Auditório 1 (Torre B, 1.º Piso).

Na sessão solene marcará presença o Reitor da Universidade NOVA de Lisboa,  Professor Doutor António Bensabat Rendas, e como oradora convidada, na qualidade de Antiga Aluna do curso de Filosofia, a Dra. Anabela Mota Ribeiro.

A cerimónia prosseguirá com a entrega de medalhas comemorativas aos docentes e funcionários que completaram 25 anos de serviço e dos seguintes prémios e diplomas:

Consulte o programa

conviteFCSH2014_v3.png

 

Publicado em FCSH, Geral, Universidade Nova de Lisboa